Confinamento

Mauro Zoladz

“Confinamento” é um livro pequeno no tamanho e em quantidade de palavras, mas grandioso no sentido. Escrito durante a pandemia, convida as crianças (e os adultos também) a refletir sobre o que significa essa palavra e também a brincar com outras que passamos a conhecer e a usar em nosso dia a dia.

“Confinamento” nos diz, com muita poesia e ludicidade, o que é de fato importante para nós.

Por que ler?

O isolamento social que a pandemia exigiu trouxe mudanças na rotina e no comportamento de todos nós. Se essa alteração do cotidiano já foi de difícil assimilação para os adultos, o que dizer das crianças? Como explicar para os pequenos sobre a necessidade ficar em casa e que a nossa vida de repente mudou? Como as palavras podem nos ajudar a encontrar uma explicação acessível para as crianças para aquilo que nem nós, adultos, entendemos?

O livro “Confinamento” parte desse pensamento. A obra traz um conto curto, mas poderoso, que mostra uma interpretação inocente para essa palavra. Escrito durante a quarentena, o livro tem como protagonista um menino colecionador de palavras estranhas. Quando ele se depara com a grande palavra confinamento, começa a ponderar sobre exemplos do que isso pode ser... E aí passamos para o campo da reflexão junto com ele. O livro traz muitas possibilidades de interpretação e exemplos divertidos que enchem os nossos olhos com a fantasia, o imaginável e o inimaginável, o inverossímil e a verossimilhança. O que cabe dentro do pequeno? Uma girafa dobrada? Um gato num paralelogramo? Essa brincadeira com as mais diferentes palavras leva o protagonista a pensar em outras que nos remetem a sentimentos opostos, de liberdade e amplitude, como atmosfera e relva.

O projeto gráfico e as ilustrações, feitas em apenas três cores, convidam a cada um de nós a brincar com o nosso conhecimento e com o nosso entendimento de um jeito divertido e poético. Crianças e adultos vão amar essa obra encantadora!

Este livro recebeu o selo Aqui tem natureza, que indica que a obra valoriza o nosso orgulho e sentimento de pertencimento à natureza. Ele tem a função de nos apresentar e admirar as riquezas naturais do nosso planeta e, também, conscientizar ainda mais o leitor para a necessidade de proteger a cada bichinho que aqui vive e o seu habitat, as praças, bosques, matas e florestas do mundo todo. Sinta o ar puro, ouça o som dos animais e se encante com a diversidade de cores, cheiros e formas que a natureza tem para mostrar. A Bamboozinho traz tudo isso na forma de livro infantil, cuidadosamente elaborado para que as crianças se percebam como parte de algo maior e cresçam com o sentimento de respeito e cuidado em relação ao ambiente!

Saiba mais

US$22.10

“Confinamento” é um livro pequeno no tamanho e em quantidade de palavras, mas grandioso no sentido. Escrito durante a pandemia, convida as crianças (e os adultos também) a refletir sobre o que significa essa palavra e também a brincar com outras que passamos a conhecer e a usar em nosso dia a dia.

“Confinamento” nos diz, com muita poesia e ludicidade, o que é de fato importante para nós.

Por que ler?

O isolamento social que a pandemia exigiu trouxe mudanças na rotina e no comportamento de todos nós. Se essa alteração do cotidiano já foi de difícil assimilação para os adultos, o que dizer das crianças? Como explicar para os pequenos sobre a necessidade ficar em casa e que a nossa vida de repente mudou? Como as palavras podem nos ajudar a encontrar uma explicação acessível para as crianças para aquilo que nem nós, adultos, entendemos?

O livro “Confinamento” parte desse pensamento. A obra traz um conto curto, mas poderoso, que mostra uma interpretação inocente para essa palavra. Escrito durante a quarentena, o livro tem como protagonista um menino colecionador de palavras estranhas. Quando ele se depara com a grande palavra confinamento, começa a ponderar sobre exemplos do que isso pode ser… E aí passamos para o campo da reflexão junto com ele. O livro traz muitas possibilidades de interpretação e exemplos divertidos que enchem os nossos olhos com a fantasia, o imaginável e o inimaginável, o inverossímil e a verossimilhança. O que cabe dentro do pequeno? Uma girafa dobrada? Um gato num paralelogramo? Essa brincadeira com as mais diferentes palavras leva o protagonista a pensar em outras que nos remetem a sentimentos opostos, de liberdade e amplitude, como atmosfera e relva.

O projeto gráfico e as ilustrações, feitas em apenas três cores, convidam a cada um de nós a brincar com o nosso conhecimento e com o nosso entendimento de um jeito divertido e poético. Crianças e adultos vão amar essa obra encantadora!

Este livro recebeu o selo Aqui tem natureza, que indica que a obra valoriza o nosso orgulho e sentimento de pertencimento à natureza. Ele tem a função de nos apresentar e admirar as riquezas naturais do nosso planeta e, também, conscientizar ainda mais o leitor para a necessidade de proteger a cada bichinho que aqui vive e o seu habitat, as praças, bosques, matas e florestas do mundo todo. Sinta o ar puro, ouça o som dos animais e se encante com a diversidade de cores, cheiros e formas que a natureza tem para mostrar. A Bamboozinho traz tudo isso na forma de livro infantil, cuidadosamente elaborado para que as crianças se percebam como parte de algo maior e cresçam com o sentimento de respeito e cuidado em relação ao ambiente!

Características

Autor: Mauro Zoladz
ISBN: 978-65-8638-924-1
Editora: Bon Bini Books
No de páginas: 32
Língua: Português (Brasil)
Dimensões: 20.3 x 20.3

Mais sobre o livro

https://issuu.com/editorabamboo/docs/issuu_confinamento_sample     

Sobre os autores

Mauro Zoladz nasceu em Buenos Aires, é economista e autor de livros infantis. Gosta de brincar com as letras, pois encontra nas palavras e nos sons de cada uma delas um mundo infinito para explorar. Ana Sanfelippo também nasceu em Buenos Aires. É ilustradora, designer gráfica, artista de letras, compositora de estampas e amiga de gatos. Estudou design e especialização em tipografia na Universidade de Buenos Aires, onde continuou sendo professora por 14 anos. Publicou livros ilustrados internacionalmente: Argentina, Chile, México, EUA, Espanha, Inglaterra e Suíça. Papel, goivas, marcadores e lápis são a sua principal matéria-prima.  

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Confinamento”