A legião negra

Oswaldo Antonio Faustino
Este romance histórico conta a história do batalhão composto por afrodescendentes que lutou contra a ditadura de Getulio Vargas pleiteando uma Constituição para o Brasil. O narrador, um centenário ex-combatente, volta atrás muitas décadas para recordar personagens e fatos da Revolução Constitucionalista de 1932, na qual perdeu amigos, conviveu com heróis e covardes, conheceu a dor e a coragem. Saiba mais

US$18.89

Este romance histórico conta a história do batalhão composto por afrodescendentes que lutou contra a ditadura de Getulio Vargas pleiteando uma Constituição para o Brasil. O narrador, um centenário ex-combatente, volta atrás muitas décadas para recordar personagens e fatos da Revolução Constitucionalista de 1932, na qual perdeu amigos, conviveu com heróis e covardes, conheceu a dor e a coragem.

Características

Autor: Oswaldo Antonio Faustino
ISBN: 978-85-87478-52-8
Editora: Selo Negro Edições
Ano de publicação: 2011
Capa: Brochura
Subtítulo: A luta dos afro-brasileiros na Revolução Constitucionalista de 1932
No de páginas: 224
Língua: Português (Brasil)
Dimensões: 21.0 x 14.0

Mais sobre o livro

Sobre o autor:

Oswaldo Faustino é jornalista desde 1976, além de escritor e estudioso de relações étnico-raciais. Atuou como repórter em rádio, TV, revistas e vários jornais, como Folha de S.Paulo e O Estado de S. Paulo, e como editor de Cultura do Diário Popular. É coautor (com Aroldo Macedo) dos livros A cor do sucesso (Gente, 2000), Luana, a menina que viu o Brasil neném (FTD, 2000), Luana e as sementes de Zumbi (FTD, 2007) e Luana, capoeira e liberdade (FTD, 2007) e dos gibis Luana e sua turma (Editora Toque de Mydas). É autor dos livros Nei Lopes da coleção Retratos do Brasil Negro, e A legião negra – A luta dos afro-brasileiros na Revolução Constitucionalista de 1932 ambos editados pela Selo Negro Edições. Colaborador da revista Raça Brasil desde sua criação. Tem proferido palestras e ministrado minicursos para educadores sobre formas práticas de aplicação da Lei nº- 10.639/03. Participou da TV da Gente, de Netinho de Paula, escrevendo e produzindo histórias, que apresentava no programa infantil da emissora interpretando o personagem Tio Bah.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “A legião negra”