Novas teorias dos movimentos sociais

Maria Da Glória Marcondes Gohn
Dez anos após a publicação de Teorias dos movimentos sociais: paradigmas clássicos e contemporâneos por Edições Loyola, este novo livro apresenta as novas teorias dos movimentos sociais, com o objetivo de mapeá-las, destacar alguns de seu teóricos, localizar o surgimento histórico dessas matrizes, analisar as questões centrais de suas abordagens — com destaque para a América Latina —, investigar as novas formas de ação coletiva que surgiram nos últimos anos e que deram origem às novas abordagens, e, ainda, focalizar as explicações sobre as redes de articulações dos movimentos, os projetos sociais de que participam e as políticas e parcerias que constroem o repertório de suas ações. Saiba mais

17.74

Dez anos após a publicação de Teorias dos movimentos sociais: paradigmas clássicos e contemporâneos por Edições Loyola, este novo livro apresenta as novas teorias dos movimentos sociais, com o objetivo de mapeá-las, destacar alguns de seu teóricos, localizar o surgimento histórico dessas matrizes, analisar as questões centrais de suas abordagens — com destaque para a América Latina —, investigar as novas formas de ação coletiva que surgiram nos últimos anos e que deram origem às novas abordagens, e, ainda, focalizar as explicações sobre as redes de articulações dos movimentos, os projetos sociais de que participam e as políticas e parcerias que constroem o repertório de suas ações.

Características

Autor: Maria Da Glória Marcondes Gohn
ISBN: 978-85-15-03580-9
Editora: Edições Loyola
Ano de publicação: 2008
Capa: Brochura
No de páginas: 168
Língua: Português
Dimensões: 21 x 14

Mais sobre o livro

A preocupação com a teorização sobre os movimentos sociais ocorre porque, de um lado, eles ganharam visibilidade na própria sociedade, enquanto fenômenos históricos concretos, e, de outro, a ampliação dos sujeitos participantes no campo social colocou as ações coletivas num universo amplo, reconstruindo e construindo novas teorias sobre a sociedade civil. Ocorreu um deslocamento do interesse nas pesquisas para a sociedade civil, e nesta os movimentos sociais são citados como uma das ações sociais por excelência. A primeira parte deste livro trata das teorias propriamente ditas dos movimentos. A segunda destaca a obra de Alain Touraine, suas formulações teóricas sobre os movimentos sociais dos anos de 1960-2008. A terceira analisa o desenvolvimento histórico e as concepções teóricas de um movimento social específico: o das mulheres.  
Maria da Glória Gohn, doutora em Ciência Política pela USP, com pós-doutorado em Sociologia pela New School University/Nova York, é professora titular da Unicamp, Pesquisadora I do CNPq e vice-presidente do Research Committee “Social Movements and Social Classes”, da Associa- ção Internacional de Sociologia. Publicou, por Edições Loyola: Movimentos sociais e luta pela moradia, História dos movimentos e lutas sociais e Teorias dos movimentos sociais - Paradigmas clássicos e contemporâneos.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Novas teorias dos movimentos sociais”