Imagens da Diáspora

Goya Lopes, Gustavo Falcón
Durante três séculos, milhões de africanos foram obrigados a sair de suas terras para trabalharem como escravos na América Colonial. O Brasil recebeu a maior parte deles, cerca de cinco milhões de indivíduos. A imensa contribuição africana daí advinda não se limitou apenas ao mundo material, mas influenciou de forma marcante a arte, a língua, a religiosidade, a família e a vida do Brasil. Essa diáspora negra resultou numa experiência inovadora, misturando raças e gerando um povo novo no continente americano. Este livro resgata a trajetória africana no Brasil e ressalta a singularidade e a beleza do legado afro-brasileiro, aqui representado pelo traço inconfundível do trabalho da artista plástica Goya Lopes, acompanhado por textos esclarecedores do historiador Gustavo Falcón. Saiba mais

US$20.30

Durante três séculos, milhões de africanos foram obrigados a sair de suas terras para trabalharem como escravos na América Colonial. O Brasil recebeu a maior parte deles, cerca de cinco milhões de indivíduos. A imensa contribuição africana daí advinda não se limitou apenas ao mundo material, mas influenciou de forma marcante a arte, a língua, a religiosidade, a família e a vida do Brasil. Essa diáspora negra resultou numa experiência inovadora, misturando raças e gerando um povo novo no continente americano. Este livro resgata a trajetória africana no Brasil e ressalta a singularidade e a beleza do legado afro-brasileiro, aqui representado pelo traço inconfundível do trabalho da artista plástica Goya Lopes, acompanhado por textos esclarecedores do historiador Gustavo Falcón.

Características

Autor: Goya Lopes, Gustavo Falcón
ISBN: 978-85-8905-926-8
Editora: Solisluna
Ano de publicação: 2010
No de páginas: 80
Língua: Português
Dimensões: 21 x 14.8

Mais sobre o livro

Goya LopesGoya Lopes

Nasceu em Salvador, Bahia e formou-se em Belas Artes, pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Através de uma bolsa de estudos, teve a oportunidade de estudar design em Florença na Itália. De volta ao Brasil, desenvolveu projetos para algumas empresas de São Paulo. Em 1986 criou a marca Didara Design Goya Lopes, com um conceito artístico que usava a estamparia para contar a história da ancestralidade afro-brasileira. Em 1993 ganhou o prêmio Museu da Casa Brasileira. Em 2008 apresentou a exposição “Ancestralidade Africana no Brasil” em Chicago, cujos desenhos e textos compõem o livro “Imagens da Diáspora” em coautoria com o escritor Gustavo Falcón, publicado pela Solisluna Editora em 2010, ano que lançou a marca Goya Lopes Design Brasileiro. Gustavo Falcón é baiano, natural da cidade de Salvador, é Doutor em História, jornalista, escritor e Professor do Departamento de Sociologia da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Dirigiu várias publicações culturais, entre as quais a Revista da Bahia e a revista Afro-Ásia, do Centro de Estudos Afro-Orientais da UFBA. É autor do livro “Coronéis do Cacau” e coautor do livro “Imagens da Diáspora” juntamente com a artista Goya Lopes, ambos publicados pela Solisluna Editora.

Gustavo Falcón

Gustavo Falcón

Baiano, natural da cidade de Salvador, é Doutor em História, jornalista, escritor e Professor do Departamento de Sociologia da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Dirigiu várias publicações culturais, entre as quais a Revista da Bahia e a revista Afro-Ásia, do Centro de Estudos Afro-Orientais da UFBA. É autor do livro “Coronéis do Cacau” e coautor do livro “Imagens da Diáspora” juntamente com a artista Goya Lopes, ambos publicados pela Solisluna Editora.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Imagens da Diáspora”