Ensaios sobre o amor e a solidão

Flávio Gikovate
Em Ensaios sobre o amor e a solidão, Flávio Gikovate se aprofunda no tema do amor, mostrando suas diferentes roupagens - enamoramento, paixão, atração sexual - e como lidar com elas. O psiquiatra aborda também um problema que atinge até as relações amorosas mais plenas: a possessividade. Propondo uma nova forma de aliança íntima, inspirada na amizade profunda, o autor mostra assim que a solidão (temporária ou como escolha de vida) é primordial para nosso desenvolvimento.

Em um trecho da apresentação de Ensaios sobre o amor e a solidão, Gikovate escreve: acredito que progredi bastante no entendimento do fenômeno amoroso. No início, estive interessado essencial-mente nos mecanismos de escolha do parceiro. Interesse que sempre se renova e que me leva a fazer novas e mais acuradas observações.

Depois, procurei compreender as peculiaridades do sentimento amoroso propriamente dito, suas origens e por que as relações afetivas adultas são tão parecidas com as infantis, determinando a presença dos grosseiros elementos possessivos e exclusivistas totalmente contrários aos princípios libertários que continuam a me governar.

Esse caminho tem me levado a pensar que os ideais de fusão do amor romântico estão em completo desacordo com nossa realidade atual, que exige maior mobilidade e crescente competência para uma existência individual.

  • Veja aqui outros títulos do autor.
 
Saiba mais

US$36.00

Em Ensaios sobre o amor e a solidão, Flávio Gikovate se aprofunda no tema do amor, mostrando suas diferentes roupagens – enamoramento, paixão, atração sexual – e como lidar com elas. O psiquiatra aborda também um problema que atinge até as relações amorosas mais plenas: a possessividade. Propondo uma nova forma de aliança íntima, inspirada na amizade profunda, o autor mostra assim que a solidão (temporária ou como escolha de vida) é primordial para nosso desenvolvimento.

Em um trecho da apresentação de Ensaios sobre o amor e a solidão, Gikovate escreve: acredito que progredi bastante no entendimento do fenômeno amoroso. No início, estive interessado essencial-mente nos mecanismos de escolha do parceiro. Interesse que sempre se renova e que me leva a fazer novas e mais acuradas observações.

Depois, procurei compreender as peculiaridades do sentimento amoroso propriamente dito, suas origens e por que as relações afetivas adultas são tão parecidas com as infantis, determinando a presença dos grosseiros elementos possessivos e exclusivistas totalmente contrários aos princípios libertários que continuam a me governar.

Esse caminho tem me levado a pensar que os ideais de fusão do amor romântico estão em completo desacordo com nossa realidade atual, que exige maior mobilidade e crescente competência para uma existência individual.

  • Veja aqui outros títulos do autor.

 

Características

Autor: Flávio Gikovate
ISBN: 978-85-7255-045-1
Editora: MG Editores
Ano de publicação: 2005
Capa: Brochura
No de páginas: 272
Língua: Português (Brasil)
Dimensões: 21.0 x 14.0

Mais sobre o livro

Sobre o autor:

Flávio Gikovate foi um médico psiquiatra formado pela USP em 1966. Trabalhava com psicoterapia breve, tendo atendido mais de nove mil pacientes. Foi conferencista e autor consagrado, com várias obras publicadas – inclusive no exterior –, que somam mais de um milhão de livros vendidos. Faleceu em 2016.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Ensaios sobre o amor e a solidão”