Seja homem

JJ Bola
JJ Bola expõe a masculinidade como uma performance para a qual os homens são socialmente condicionados. Através de exemplos de tradições culturais e ecoando uma pluralidade de vozes, Bola desmascara diversos mitos, como aquele que proíbe os garotos de chorarem ou demonstrarem fraquezas. A masculinidade, calcificada numa sociedade patriarcal, se encontra no âmago do amor e do sexo, do cenário político, das interações sociais, da competição esportiva, de problemas de saúde mental. Seja homem é um chamado urgente para, em conexão com o feminismo e a igualdade de gênero, desvendar a masculinidade e redefini-la.

Prefácio de Emicida
*No momento este livro não pode ser entregue em Portugal.
Saiba mais

US$25.60

JJ Bola expõe a masculinidade como uma performance para a qual os homens são socialmente condicionados. Através de exemplos de tradições culturais e ecoando uma pluralidade de vozes, Bola desmascara diversos mitos, como aquele que proíbe os garotos de chorarem ou demonstrarem fraquezas. A masculinidade, calcificada numa sociedade patriarcal, se encontra no âmago do amor e do sexo, do cenário político, das interações sociais, da competição esportiva, de problemas de saúde mental. Seja homem é um chamado urgente para, em conexão com o feminismo e a igualdade de gênero, desvendar a masculinidade e redefini-la.

Prefácio de Emicida

*No momento este livro não pode ser entregue em Portugal.

Características

Autor: JJ Bola
ISBN: 978-65-5553-008-7
Editora: Dublinense
Ano de publicação: 2020
Capa: Brochura
Subtítulo: A masculinidade desmascarada
No de páginas: 176
Língua: Português (Brasil)
Dimensões: 21.0 x 14.0

Mais sobre o livro

Sobre o autor

JJ Bola é um escritor, poeta e educador congolês radicado em Londres — além de Seja homem, também publicou três livros de poemas e um romance. Antes de se tornar escritor, passou vários anos trabalhando na assistência de jovens com distúrbios de comportamento e problemas de saúde mental, assim conhece bem os sentimentos de insegurança e baixa autoestima vividos por muitos jovens hoje. Bola também foi jogador de basquete na juventude, disputando competições de nível nacional na Inglaterra, até uma severa depressão interromper sua jornada — nos últimos anos, vários atletas de alto nível têm falado abertamente sobre suas dificuldades de saúde mental, algo que seria quase impensável na década passada. A máscara do subtítulo do livro se refere à fachada de insensibilidade que os homens estão condicionados a adotar desde cedo. Derrubar essa parede foi fundamental para que Bola se sentisse melhor e mais feliz consigo mesmo. É por isso que ele insiste que a única solução é desmantelar todo o conceito de masculinidade como o conhecemos até agora e substituí-la por uma que veja a necessidade da igualdade de gêneros.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Seja homem”