A Baiana do Cais do Porto

João Bosco Quirelli
Uma colcha de retalhos da vida baiana. Talvez seja esta a melhor síntese deste romance. Zulmira é o retrato-símbolo da baianidade. Baianidade de uma gente que transcende o simplesmente viver por viver; que passa pelas pedras e espinhos da vida sem se arranhar; que irradia calor humano e encanto, apesar das vicissitudes, das armadilhas do cotidiano. Zulmira é o encanto e a magia, a sabedoria e a alegria, o amor transbordando, superando, transformando. Saiba mais

US$19.50

Uma colcha de retalhos da vida baiana. Talvez seja esta a melhor síntese deste romance. Zulmira é o retrato-símbolo da baianidade. Baianidade de uma gente que transcende o simplesmente viver por viver; que passa pelas pedras e espinhos da vida sem se arranhar; que irradia calor humano e encanto, apesar das vicissitudes, das armadilhas do cotidiano. Zulmira é o encanto e a magia, a sabedoria e a alegria, o amor transbordando, superando, transformando.

Características

Autor: João Bosco Quirelli
ISBN: 978-85-8905-966-4
Editora: Solisluna
Ano de publicação: 2015
Capa: Brochura
No de páginas: 144
Língua: Português

Mais sobre o livro

João Bosco Quirelli

É natural de Lorena, São Paulo. Reside na Bahia desde 1980. Durante alguns anos, serviu à Aeronáutica como sargento nas Bases Aéreas de Recife e Salvador. É Engenheiro Civil com larga experiência em obras públicas e habitacionais. Na adolescência, escreveu sua primeira peça de teatro, e desde então escreve regularmente. É também poeta, e teve o seu primeiro romance, “A Baiana do Cais do Porto”, publicado pela Solisluna Editora.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “A Baiana do Cais do Porto”