Voz ao Verbo

Allan Dias Castro

No princípio era o verbo. E os versos.
Mas o gaúcho Allan Dias Castro não conseguia lhes dar voz.
Silenciavam dentro do peito. Doíam. Ele se sentia inadequado e só.

Nascido numa família tradicional de advogados, Allan não queria desapontar gerações. Foi cursar Direito, mas logo percebeu que não conseguiria ser feliz seguindo os passos dos pais.
“Nem todo talento cabe no diploma. Nem toda identidade cabe na carteira. Nem todo mundo é igual”, concluiu.
Matar seu sonho seria morrer antes da morte. Decidido a encontrar a própria voz, veio para o Rio de Janeiro em 2010 escrever sua história como poeta e compositor.

Este livro é o roteiro errante de como ele deu Voz ao Verbo, criando em 2016 um projeto de vídeos de poesia falada que gerou enorme identificação com o público e ultrapassou a surpreendente marca de 90 milhões de visualizações nas redes sociais.


Allan Dias Castro

Poeta e tem a escrita como base para todos os seus projetos, de letras de música a programas de tv. Formado em Comunicação Social pela ESPM-RS, cursou Escrita Criativa na Escola de Escritores de Barcelona, na Espanha.

Gaúcho radicado no Rio de Janeiro, Allan lançou seu primeiro livro, O Zé-Ninguém, em 2014. Suas letras já foram musicadas por grandes nomes, como Roberto Menescal, e ele já declamou seus poemas ao lado de artistas como Oswaldo Montenegro e Marcos Suzano.

Desde 2016, integra o Reverb Poesia (@reverbpoesia), banda que viaja por todo o Brasil apresentando sua mistura de música e poesia falada. Com o Voz ao Verbo, projeto de vídeos com poemas autorais que deram origem a este livro, busca facilitar o acesso do público à poesia.

Saiba mais

$26.00

No princípio era o verbo. E os versos.
Mas o gaúcho Allan Dias Castro não conseguia lhes dar voz.
Silenciavam dentro do peito. Doíam. Ele se sentia inadequado e só.

Nascido numa família tradicional de advogados, Allan não queria desapontar gerações. Foi cursar Direito, mas logo percebeu que não conseguiria ser feliz seguindo os passos dos pais.
“Nem todo talento cabe no diploma. Nem toda identidade cabe na carteira. Nem todo mundo é igual”, concluiu.
Matar seu sonho seria morrer antes da morte. Decidido a encontrar a própria voz, veio para o Rio de Janeiro em 2010 escrever sua história como poeta e compositor.

Este livro é o roteiro errante de como ele deu Voz ao Verbo, criando em 2016 um projeto de vídeos de poesia falada que gerou enorme identificação com o público e ultrapassou a surpreendente marca de 90 milhões de visualizações nas redes sociais.


Allan Dias Castro

Poeta e tem a escrita como base para todos os seus projetos, de letras de música a programas de tv. Formado em Comunicação Social pela ESPM-RS, cursou Escrita Criativa na Escola de Escritores de Barcelona, na Espanha.

Gaúcho radicado no Rio de Janeiro, Allan lançou seu primeiro livro, O Zé-Ninguém, em 2014. Suas letras já foram musicadas por grandes nomes, como Roberto Menescal, e ele já declamou seus poemas ao lado de artistas como Oswaldo Montenegro e Marcos Suzano.

Desde 2016, integra o Reverb Poesia (@reverbpoesia), banda que viaja por todo o Brasil apresentando sua mistura de música e poesia falada. Com o Voz ao Verbo, projeto de vídeos com poemas autorais que deram origem a este livro, busca facilitar o acesso do público à poesia.

Características

Autor: Allan Dias Castro
ISBN: 978-85-431-0743-1
Editora: Editora Sextante
Ano de publicação: 06/05/2019
Capa: Brochura
Subtítulo: Poemas para calar o medo
No de páginas: 144
Língua: Português
Dimensões: 21 x 14

Mais sobre o livro

Os poemas, os textos poéticos e as histórias contidas no livro servem de companhia a todos aqueles que desejam calar o medo, ouvir a si mesmos e descobrir seu modo de se colocar no mundo.

Voz ao verbo é o segundo livro do poeta Allan Dias Castro.
“Allan Dias acha os versos
Onde a alma faz morada
Grita o silêncio da vida
E silencia a zoada
Pro mundo poder ouvir
Sua poesia encantada.”
Bráulio Bessa

 

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Voz ao Verbo”