Ainda Hoje te Espero

Vital B Pontual
Amanhã chegará de Cuba uma amiga de Rute. Vem passar alguns dias aqui na cidade. No colégio Rute me deu a nova. Disse-me que estava feliz porque se tratava de uma pessoa da qual gostava muito. Haviam estudado juntas em uma escolinha do bairro quando eram crianças. Chama-se Úrsula e tem dezessete anos. Há quatro que mora na Ilha. Seus pais são médicos, porém não vêm com ela. São profissionais muito preocupados com a saúde do povo cubano e fazem questão de atender cotidianamente as pessoas que necessitam de ajuda médica. A Rute me contou que talvez a Úrsula também se dedique à medicina e fique em definitivo morando em Cuba. Tenho cá para mim que faria melhor se aqui ficasse. Também nosso povo que morre sem assistência todos os dias requer cuidados especiais. Vou tentar, junto com a Rute, convencê-la a mudar de opinião. Espero conseguir.
*Este livro não poderá ser entregue em Portugal.
Saiba mais

US$21.80

Amanhã chegará de Cuba uma amiga de Rute. Vem passar alguns dias aqui na cidade. No colégio Rute me deu a nova. Disse-me que estava feliz porque se tratava de uma pessoa da qual gostava muito. Haviam estudado juntas em uma escolinha do bairro quando eram crianças. Chama-se Úrsula e tem dezessete anos. Há quatro que mora na Ilha. Seus pais são médicos, porém não vêm com ela. São profissionais muito preocupados com a saúde do povo cubano e fazem questão de atender cotidianamente as pessoas que necessitam de ajuda médica. A Rute me contou que talvez a Úrsula também se dedique à medicina e fique em definitivo morando em Cuba. Tenho cá para mim que faria melhor se aqui ficasse. Também nosso povo que morre sem assistência todos os dias requer cuidados especiais. Vou tentar, junto com a Rute, convencê-la a mudar de opinião. Espero conseguir.

*Este livro não poderá ser entregue em Portugal.

Características

Autor: Vital B Pontual
ISBN: 978-989-52-2124-0
Editora: Chiado Editora
Ano de publicação: 02/2018
Capa: Brochura
No de páginas: 252
Língua: Português
Dimensões: 21.6 x 14

Mais sobre o livro

Definitivamente hoje pela manhã trouxe a impressão do colégio de que a Rute a cada dia me quer mais e eu a ela. Confessou-me estar disposta a falar com seus pais sobre o nosso idílio amoroso. Pedi-lhe que fosse com muito jeito a fim de que, principalmente seu pai, não lhe soltasse o verbo. Pensando agora aqui enquanto deito a meu diário essas impressões, acho até que ela não deveria falar-lhes nada pelo menos por agora. Temo que os dois possam criar barreiras para nos atrapalhar, tentando persuadir a minha querida Rute a desistir de nosso amor com o argumento de ela ainda está muito jovem para amar um outro jovem como eu. Bem que eu poderia tê-la feito desistir da ideia, mas quando aquela incute em sua cabecinha uma resolução, nada consegue fazê-la voltar atrás. Agora aqui estou eu debruçado sobre este caderno esperando que tudo saia como os dois imaginemos: que ninguém se oponha à nossa felicidade. Amanhã quando chegar ao colégio, saberei o que efetivamente acontecera. Até lá vou ficar aqui no meu quarto remoendo o pão da aflição.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Ainda Hoje te Espero”